Marcadores:

0 AMOR PELAS ARTES PLÁTICAS

O P E R F Í L completo de: Maria Goretti Brandão.
Maria Goretti Brandão, Mestra das Artes Plástica
                  
Goretti Brandão é natural de Pão de açúcar, cidade centenária do sertão alagoano, situada no baixo São Francisco. Descobriu o amor ao desenho, ainda menina, observando o seu pai fazê-los, em reproduções do cotidiano, cheios de cavalos e canoas.
Fez seus próprios rabiscos, que depois cresceram e ocuparam nela os seus espaços, acompanharam-na pela infância, atravessaram a adolescência, se fixaram como uma necessidade da alma ou o reflexo, feito de tintas e cores, do mundo apreendido. As Águas do São Francisco, as ruas de outros lugares, a diversidade dos caminhos, a estrada, as casas, as mulheres lavadeiras... Um universo próprio, mas completamente possível de ser compartilhado.
              São registros, que utiliza com simplicidade, pelo recurso que a arte possibilita à artista. É expressão, sentimento, movimento de dentro para fora, como para preservar em si mesma e nos outros, a história do seu próprio tempo, o olhar sobre a vida, a memória das coisas, enquanto elas ainda podem ser. E são possíveis.
Transporta para as telas, sem pretensões vanguardistas, sem necessariamente fazer suscitar discursos, sem seguir modismos. A expansão do seu repertório, seu desdobramento interior; sua emoção, a sensibilidade extravasada em pinceladas com características impressionistas.
Dá-se da mesma forma , quando a artista exercita o seu gosto pela escrita, tecendo com as letras, o mundo das palavras e na forma mágica delas, recriar e ratificar. Em ambiente meio autobiográfico, os afetos cotidianos, os cheiros caseiros, a linguagem simples das conversas em torno da mesa da cozinha; que está sempre remetendo à avaliação dos valores familiares que se vão extinguindo. “Exponho o que sinto, através das tintas e das palavras. Pego as tintas, misturo e crio outras.

0 comentários:

Postar um comentário